Manufatura Aditiva e suas aplicações/Impressão 3D baseada em extrusão de hidrogéis

Sobre o Assunto

A Manufatura Aditiva (AM, do inglês Additive Manufacturing) (ASTM F 2792 – 09) ou Impressão 3D como popularmente é conhecida, é um conjunto de tecnologias baseadas numa metodologia de
fabricação por deposição de material em camadas a partir de um desenho ou modelo CAD. Sendo essas tecnologias caracterizadas pela matéria-prima empregada, que pode ser encontrada na forma líquida, sólida ou em pó e juntamente com um agente de produção, esse material é transformado, criando modelos que abrangem diversas áreas do conhecimento, como, engenharia, aeronáutica, automobilística, medicina, veterinária, arquitetura, moda e pesquisa acadêmica.
Hidrogéis são materiais poliméricos naturais ou sintéticos que mantêm uma estrutura tridimensional. Eles podem absorver e reter grandes quantidades de água, tornando-os adequados para uma grande variedade de aplicações. Aliado aos processos de manufatura aditiva (impressão 3D), o campo de aplicações é amplo. Assim, a avaliação das propriedades reológicas de tintas e biotintas desempenha um papel importante para definir sua composição e estabelecer os parâmetros do processo.

Os palestrantes

Jonathan de Oliveira Diniz

Jonathan de Oliveira Diniz: Engenharia elétrica com ênfase em eletrônica pela Universidade Paulista, UNIP Campinas (01/2014 – 12/2018). Curso de Aprendizagem Industrial (CAI) em Eletricista de Manutenção pelo SENAI Roberto Mange CAMPINAS (01/2012 – 12/2013). Experiências profissionais: Aprendiz – Eletricista de Manutenção pela empresa VALEO (01/2013 – 12/2013). Aprendiz administrativo pela Fundação FACTI (10/2014 – 09/2015). Bolsista pelo Programa de Capacitação Institucional (PCI) em Pesquisa e Apoio Tecnológico no Contexto da Manufatura Aditiva pelo Centro de Tecnologia da Informação CTI – Renato Archer (10/2015 em andamento).

José Luis Dávila Sánchez

José Luis Dávila Sánchez: Engenheiro Mecânico pela Escuela Politécnica Nacional (Equador/2011), Mestre em Engenharia Mecânica pela UNICAMP (2014) e Doutor em Engenharia Mecânica UNICAMP (2018), com trabalho de pesquisa realizado na área de Materiais e Processos de Fabricação, atuando especificamente com materiais poliméricos, hidrogéis, biomateriais, materiais compósitos, caracterização de materiais, reologia, reometria rotacional, manufatura aditiva e programação. Pós-doutorado em andamento no Núcleo de Tecnologias Tridimensionais do Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer (CTI), com trabalho de pesquisa no projeto: Estudo, desenvolvimento e aplicação de processo híbrido: Manufatura aditiva (MA) + Usinagem/Retificação de alta velocidade.